3 de abril de 2013

a arte do silencio.


Meu silencio fala por mim hoje,ele registra tudo na minha alma,principalmente meus maiores desejos internos.As tempestades externas não tem mais vez,pois elas não merece atenção.Com o tempo aprendemos a calar no momento certo e externar aquilo que de fato merece ter vida.Assim também acontece nos relacionamentos entre pessoas,algumas delas permanece viva no silencio da alma e do pensamento,já outras mesmo presente não nos ganha.Nós somos o quê falamos,o que representamos e o que sentimos.Deixar marcas boas ainda é a melhor saída,pois mesmo com o passar dos anos alguém um dia vai lembrar de você e refletir sobre o bom e ou mal que você deixou.
O importante é ser você mesmo (a), e se depois de toda uma reflexão introspectiva não se encontrar nenhuma falha, é o maior sinal que é preciso mudar.Nos somos o quê pensamos e o que nos representamos,seja através das palavras,seja através das atitudes.
Então deixo silencio,desses que é necessário e que nos reveste de armaduras celestiais,é necessário e é mais preciso,faz bem por dentro,faz bem pra alma.
                                                                                              Samara Veras


2 comentários:

Hadassa Cavalcante disse...

Que lindo Samara, as vezes o silêncio fala muito mais do que palavras! E como diz a profa poeta Ana Valeska somos feitos do que esquecemos das coisas infantis que hoje nos formam, mas que não lembramos!

Parabéns lindo texto :*

Daniel disse...

Silenciar é uma arte. Curtir o silêncio, já dizia o músico Marcelo Camelo em um show recente que fez em Fortaleza, é uma das maiores virtudes que podemos cultivar.

Sempre bons textos. Sempre Samara Veras. Bjs

Daniel.

Pages - Menu