22 de outubro de 2013

o tempo certo do amor.




Não, eu não tenho medo do amor, na verdade e que eu nunca tive. Confesso, que acho estranho quando alguém faz a cara mais surpresa do mundo e fala, “como assim,você não tem namorado?”
Mais tenso ainda é quando a conversa se estende quando a pessoa o qual você conversa começa a buscar justificativa na sua vida, simplesmente pelo fato de você não querer relacionamento no momento.
Ter ou não relacionamento é uma decisão pessoal, pois estar com alguém também não significa felicidade plena, isso e a maior realidade entre as realidades.
Sim, eu já tive relacionamentos duradouros e fui muito feliz em alguns deles,aprendi muito em outros, e hoje solteira a dois anos e dez  meses eu estou muito feliz.
O fato de ter alguém por ter,ou de ter alguém para mostrar para a sociedade, ainda é o lance do momento,acredito que já não é de hoje que nos vivemos à sociedade do espetáculo, e isso se inseriu nos relacionamentos. A moda é atualizar o facebook para não se estar só, para ter alguém para mostrar ao grupos de amigos,e ao seu próprio ego,e para mim isso é feio,muito feio.
Não,não pense que eu sou contrária ao amor,pois não sou,apesar de todas às decepções que já passei .Eu creio sim que existe alguém que apesar dos seus defeitos e qualidades chega na nossa vida para nos complementar em amor, e em fidelidade.
E não existe hora marcada,dia,ou lugar, e quando tudo isso acontece, ele chega por um motivo,por uma permissão divina, por uma decisão pessoal.Amar é o sentimento mais bonito de se sentir.É esse que eu espero,sempre calma e tranqüila ,na certeza que as coisas boas ,irão com toda certeza chegar,em Deus,no tempo certo.



Texto ; Samara Veras
Imagem: Google

2 comentários:

Grazi Pinheiro disse...

Adorei amiga ♥

Romyldo Franco disse...

Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.
Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou;
Tempo de matar, e tempo de curar; tempo de derrubar, e tempo de edificar;
Tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e tempo de dançar;
Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar;
Tempo de buscar, e tempo de perder; tempo de guardar, e tempo de lançar fora;
Tempo de rasgar, e tempo de coser; tempo de estar calado, e tempo de falar;
Tempo de amar, e tempo de odiar; tempo de guerra, e tempo de paz.

Eclesiastes 3:1-8

Pages - Menu